Bondage No Motel

Ao entrarmos no quarto do motel… peguei uma cadeira e mandei ela

sentar ali… com as mãos para trás… amarrei-a bem e então

fiquei em pé á sua frente… admirando aquela fêmea indefesa ali

á minha disposição… camisa amarrada na cintura… alguns botões

desabotoados nos seios mostravam metade dos seios e seu sutiã…

apalpei aqueles lindos seios com minhas mãos e os apertei um pouco

fazendo ela gemer… que tesão!!

Sua calça era do tipo calça baixa e mal escondia sua calcinha…

sua barriga e umbigo estavam totalmente á mostra…

desabotoei a calça e abri o zíper, revelando sua calcinha…

Ela me olhava com uma mistura de medo e tesão

Nada podia mais fazer, pois era minha, todinha minha…

Mostrei-lhe a mordaça, e ela quis negar, mas não teve jeito,

foi amordaçada e bem apertadinha…

Suas pernas estavam ainda livres e se debatiam para levantar, fugir…

Mostrei-lhe mais cordas e seus olhos se arregalaram…

sua cabeça remexia para os lados, tentando dizer não…

mas sem dó… e excitado demais… amarrei seus pés um de cada lado

puxando-os bem para trás… ela ficou linda ali bem amarradinha…

mal podia se mexer… sentia sua excitação… seu tesão em estar

dominada e a mercê de seu homem… imaginando o que viria ainda…

mostrei-lhe um dos vibradores… cheguei bem perto de seu rosto

e liguei-o… passei ele vibrando em seu rosto e fui descendo

entre seus seios… massageando seus bicos que estavam durinhos de tesão…

cheguei ao umbigo e fui descendo… então ela começou a se debater

nas cordas e amarras e gemendo muito e abafado pelas mordaças…

enfiei a ponta de meu dedo em sua calcinha e pude perceber

seu liquido escorrendo por entre suas coxas revelando-me

que estava bem lubrificada…

desliguei então o vibrador e o pus dentro da calcinha, bem na entrada 

da vagina… dei um breve intervalo e fui pegar outra cadeira e 

sentei-me na sua frente… me ajeitei como se estivesse sentado

num sofá… bem a vontade… olhar de deboche por sua vulnerabilidade

e muito excitado com a linda visão… o vibrador tinha um longo fio

que podia ser controlado por mim, as velocidades e o liga-desliga também…

Então olhando-a nos olhos com uma cara safada e debochada… liguei o

vibrador e ela então começou a se contorcer toda, debater e gemer

loucamente de tesão… ora olhando-me nos olhos, ora olhando para cima, 

pois se contorcia muito a cabeça para trás e para frente… enfurecida

pelo imenso tesão de estar bem amarrada e sendo bolinada também…

a sensação de prazer e tesão era incrivelmente deliciosa e sentia

vontade de gozar na hora… mas… ao perceber… desliguei o vibrador…

coloquei minhas pernas em cima das delas… me estiquei na cadeira para trás…

e me deliciei olhando sua furia de tesão cortado e seu olhar reprovador

pareciam me odiar e chamar de safado, cretino e outras coisas mais…

eu me deliciava com a cena e ria super excitado também… e…

quando ela parecia se acalmar eu voltava a ligar o vibrador… mas desta

vez com uma vibração bem fraca, a deixando louca de prazer… olhando-me

e implorando para aumentar a vibração, deixa-la gozar logo de uma vez…

mas eu me controlava, queria deixa-la exausta de tesão… queria

acumular seu tesão, prazer ao máximo… e me divertia com a cena…

Apertava meu pênis com força, com minha mão, para acalmar meu tesão imenso…

e ligava e desligava o vibrador, fazendo-a gemer tanto e se debater…

mal conseguindo ouvir seus xingamentos abafados pela mordaça…

Então me levantei e disse a ela que iria tomar um banho agora e

que a deixaria ali, amarradinha, sem gozar… para quê!…

ela enlouqueceu… pediu com os sonhos clemência…

queria gozar… não aguentava mais de tesão… xingava…

então eu disse… Faremos assim:

Vou tomar meu banho e deixo o vibrador ligado no mínimo… ok?

Ela fez que nãooooo… e fiz que nem ouvi… liguei bem baixo

e disse a ela: Se vira… goza se puder!!!

E sai sorrindo debochado, com meu pênis quase explodindo

de tanto tesão com a cena de contorções ali.

by Nando Cordas

[email protected]

Blumenau SC

Contos relacionados

Sonho Realizado Loira E Morena

Sonho Realizado Loira e Morena Em uma noite de sabado 13/01/08 , estava eu em casa ja passava das 9:30 da noite quando resolvi entrar no MSN , logo que entrei me depai com a minha prima online a mesma tinha chegado naquele dia de Salvador onde...

O Andarilho

Viajando por esse brasil a fora passei em muitas cidadezinhas das quais já mais imaginei, peguei vias e trilhas que em determinado momento me vi perdida por essas estradas e a única solução era perguntar a um morador local qual a direção certa que eu...

"Aulas De Dança"

"Aulas de dança" A concunhada Tudo começou, no dia que eu conheci a pessoa que seria a minha concunhada. Fomos apresentados, e neste momento, nossos olhos se enroscaram, de um modo que me pareceu não ser a primeira vez, será? Nunca a tinha...

Serei A Puta Do Meu Filho

Serei a puta do meu filho Sou uma mulher de 56 anos, moro em São Paulo e, como toda mulher da minha idade, tenho meus desejos reprimidos. Sou divorciada e a história que vou contar no início me envergonhava muito, mas senti que seria necessário...

Minha Namorada E Meus Amigos

Minha namorada e meus amigos TENHO 20 ANOS E MINHA NAMORADA TEM 18 , VOU CONTAR O QUE ACONTECEU NO DIA 22/07/2009, ESTÁVAMOS EM CASA NA VARANDA COMO DE COSTUME UM DIA DE DOMINGO, E MINHA NAMORADA SEMPRE ME DISSE NA HORA DO SEXO QUE TINHA VONTADE DE...

Analogia Parte Ii.

Analogia Parte II. Ao acordar a primeira coisa que fiz foi ligar pro Fernando dizendo que não iríamos namorar à noite, inventei que sairia com meu irmão. A essa altura o André já tinha feito um café da manhã incrível e já estava na...



conto erotico amigaconto eroticoscontos eroticos putasconto erotico punhetacontos erotricoscontos eroticos dei pro meu paicontos eroticos realcontos eróticos orgiacontos amadoresconto tiacontos de encoxadasos melhores contos eróticoscontos punhetaconto erotico vizinhacontos eroticos gordinhacontos eroticos mae e filhocontos de sexo explicitocontoseróticoscontos eroticos com tiascontos eróticos lesbicoshistórias reais de incestocasa dos contos erotivosconto erotico putariacontos erotismoclube de cornosconto porno maes 2017conto erotico incestocontos eroticos sadomasoquistacontos eroticos hospitalcontos de sexo reaisencochada no metrocontos erotismocontos sexo reaiscontos eroticos acampamentocontos eroticos surpresahistorias pornograficacontos sexuais reaiscontos eroticos com a irmasogra contoseduzindo a vizinhaconto eroricocontos eroticos com tiascontos erotucoscontos eroticos incesto maecontos mae filhoconto erótico 2018contos eroticos bem dotadocontos eroticos femeninoscontos negaocontos eróticos despedida de solteiracasa dos contos pornoconto erotico comi minha filhacontos eróticos mae e filhocontos eroticos da vida realcontoseroticosincestocontos eróticos de virgemmelhores contos de sexocontos eroticos proibidosincesto contoscontos eroticos de sadomasoquismocontos erotico reaiscontos eroticos proibidosconto cornoconto erótico românticosexo com minha irmaos melhores contos eróticoscontos de sexo brutalcontos eroticos bizarrosconto erotico namoradacontosroticoscontos eróticos cunhadoencochada no tremcontorroticocontos eróticos pai e filhacontos eróticos pesadoscontos eroticos curitibaconto erotico de cunhadacontos de sacanagens